ARENA PALMEIRAS

Willian celebra retorno e se diz sem pressa por titularidade no Palmeiras

Willian celebra retorno e se diz sem pressa por titularidade no Palmeiras
O atacante Willian voltou a jogar pelo Palmeiras na noite da última quarta-feira. Foram mais de sete meses sem atuar por causa de uma lesão no joelho direito, sofrida no dia 25 de novembro de 2018, quando o Verdão venceu o Vasco e conquistou o Campeonato Brasileiro. O jogador entrou no lugar de Zé Rafael…

O atacante Willian voltou a jogar pelo Palmeiras na noite da última quarta-feira. Foram mais de sete meses sem atuar por causa de uma lesão no joelho direito, sofrida no dia 25 de novembro de 2018, quando o Verdão venceu o Vasco e conquistou o Campeonato Brasileiro.

O jogador entrou no lugar de Zé Rafael aos 44 minutos do segundo tempo na vitória por 1 a 0 sobre o Internacional, no Allianz Parque. A substituição, inclusive, gerou euforia na torcida alviverde, que viu Willian atuar por cerca de cinco minutos pelas quartas de final da Copa do Brasil.

“[Jogar futebol] É o que mais amamos fazer, é o nosso ganha pão. Ficar fora seis meses não é fácil, porém, consegui superar isso muito rápido. Estou feliz não somente pelo carinho dos companheiros, porque estávamos juntos desde o início do ano lá na academia, mas também pelo carinho da comissão técnica, do estafe do clube, todas as áreas, sempre torcendo. Hoje [quarta-feira] tive essa recepção por parte do torcedor, tive meu nome gritado. Gratidão. A palavra é essa”, celebrou, na zona mista da arena.

O retorno aos gramados, contudo, não deixa Willian eufórico. Questionado sobre a disputa por posição, o atacante mostrou não ter pressa em retornar ao time titular do Palmeiras. Atualmente, a vaga tem sido preenchida por Zé Rafael, autor do gol da vitória alviverde sobre os gaúchos.

“Isso não me preocupa. Sei da minha importância, ano passado foi assim, joguei 68 jogos, então é indiferente. Estou muito feliz de estar fazendo o que amo. O espaço no time a gente vai buscando no dia a dia”, declarou o camisa 29.

O técnico Luiz Felipe Scolari foi no mesmo tom do atacante e afirmou que sua utilização será feita de forma gradual. “O Willian ainda tem um mês para voltar. Cinco minutos, dez, trinta. A recuperação de uma lesão no joelho é muito difícil de voltar e entrar numa equipe como a do Palmeiras e jogar os 90 minutos”, disse, em entrevista coletiva.

“Aos poucos ele vai voltando ao equilíbrio normal dele. E aí é mais uma opção que temos, tanto pelo lado do campo quanto de nove. É uma opção que vamos ganhar com o tempo, não para esses próximos três, quatro jogos”, concluiu Felipão.

Gazeta Esportiva
Gazeta Esportiva

Fonte