PALMEIRAS

Esteve em campo ontem | Luan, do Corinthians, está com suspeita de coronavirus

Esteve em campo ontem | Luan, do Corinthians, está com suspeita de coronavirus
Na reunião desta segunda-feira (16) que definiu a paralisação do Campeonato Paulista, o presidente do Corinthians Andres Sanchez disse aos demais integrantes do encontro que o meia Luan está com suspeita de coronavírus. A informação foi confirmada pelo médico do Corinthians, Ivan Grava. Esse foi um dos argumentos do Corinthians para não mais entrar em…

Na reunião desta segunda-feira (16) que definiu a paralisação do Campeonato Paulista, o presidente do Corinthians Andres Sanchez disse aos demais integrantes do encontro que o meia Luan está com suspeita de coronavírus. A informação foi confirmada pelo médico do Corinthians, Ivan Grava. Esse foi um dos argumentos do Corinthians para não mais entrar em campo durante esse período.

O jogador esteve em campo no domingo, no empate em 1 a 1 contra o Ituano, na Arena Corinthians — o jogo foi realizado sem público. Luan foi o autor do gol corintiano e ficou em campo durante toda a partida.

Em contato com a reportagem do UOL Esporte, o médico do Corinthians, Ivan Grava, disse que Luan começou a apresentar sintomas depois do jogo, com mal-estar, dores no corpo e coriza.

“Ele está em observação. Não fez exames ainda. Estamos em contato com ele para saber se outros sintomas apareceram”, disse Ivan Grava à reportagem.

Em relação ao meia-atacante Pedrinho, o médico disse que não há sintomas. O jogador voltou de Portugal na última quarta-feira (11) e fez os exames. Eles devem ficar prontos nas próximas horas. Ivan Grava conta que o jogador treinou normalmente na quinta-feira porque a norma atual Ministério da Saúde, de isolamento, foi divulgada apenas no dia seguinte.

Há outro caso suspeito no Corinthians. Um integrante do departamento do futebol, um analista de desempenho, apresentou febre na noite de ontem (15). Ele também está em observação.

Ivan Grava disse que no último sábado (14) deu uma palestra sobre o coronavírus durante a preleção do técnico Tiago Nunes. O médico tomou a decisão depois que muitos atletas o procuraram de forma individual, preocupados com a chegada de Pedrinho. Panfletos foram distribuídos e colocados no CT Joaquim Grava.

Ainda segundo Ivan Grava, os outros atletas e integrantes da comissão técnica, por ora, não farão exames. O clube segue uma recomendação no Ministério da Saúde, que orienta que os exames sejam feitos em pessoas com sintomas ou vindas de países com elevado número de casos.

Fonte