LIBERTADORES

Emprestado | Deyverson se declara ao Palmeiras e exalta Felipão

Emprestado | Deyverson se declara ao Palmeiras e exalta Felipão
Atualmente no Getafe, da Espanha, Deyverson aproveitou a participação no Bom Dia Fox desta quarta-feira para se declarar ao ex-clube, o Palmeiras. Em casa por conta da pandemia do coronavírus, o atacante também agradeceu ao 'paizão' Felipão, com quem foi campeão brasileiro em 2018Emprestado pelo Palmeiras, o centroavante disputou seis jogos pelo Getafe, marcou um…

Atualmente no Getafe, da Espanha, Deyverson aproveitou a participação no Bom Dia Fox desta quarta-feira para se declarar ao ex-clube, o Palmeiras. Em casa por conta da pandemia do coronavírus, o atacante também agradeceu ao ‘paizão’ Felipão, com quem foi campeão brasileiro em 2018

Emprestado pelo Palmeiras, o centroavante disputou seis jogos pelo Getafe, marcou um gol e deu duas assistências. Vale lembrar que, devido à covid-19, o Campeonato Espanhol está paralisado.

“Eu acompanho sim o Palmeiras, não vou deixar de acompanhar nunca, independente de onde eu esteja. Sempre torcerei para o Palmeiras. Sempre serei um torcedor do Palmeiras”, contou Deyverson, que aproveitou para parabenizar o ‘irmão’ Luiz Adriano pelos três gols marcados contra o Guarani (PAR), na Libertadores:

“Eu quero parabenizar o meu amigo Luiz Adriano pelo hat-trick. Independente de jogar na mesma posição que eu, é um cara que eu sou super fã, super amigo”.

Outro a ser lembrado pelo atacante foi o técnico Luiz Felipe Scolari. Chamando o campeão mundial de ‘paizão’, Deyverson fez questão de agradecer o treinador, com quem ainda mantém contato.

“É uma pessoa que eu serei grato eternamente por tudo que fez por mim. É um paizão para mim e serei grato eternamente por tudo que ele fez e ainda faz, me manda mensagem, conversa comigo”, falou.

Já sobre seu contrato com o clube espanhol, Deyverson espera que, apesar das metas a cumprir, o Getafe o aceite de braços abertos. Para ser comprado automaticamente pelos espanhóis, o brasileiro precisará marcar nove gols ou estar presente em 50% dos jogos.

“O contrato, eu deixo nas mãos do meu empresário, que tem falado bastante com o clube. Sei que tenho minhas metas aqui, mas, independente das metas, se não forem concluídas, acho que o clube vai ter um carinho por mim, abrir os braços e me aceitar de braços abertos”, disse.

Perdão ao pai e desafio ao vivo

Além do futebol, Deyverson aproveitou a participação no programa de hoje para pedir perdão ao seu pai, Carlos Alberto Silva. Após ir para a Espanha sem avisar o pai, o jogador se emocionou ao falar da família.

“Falar do meu pai é uma coisa que me emociona muito porque, dessa vez, ele não pôde estar aqui comigo. Ele ficou até chateado comigo por eu não ter dado alguma satisfação para ele. Quero pedir desculpa para ele ao vivo. Dizer que eu amo muito ele, que eu peço desculpa por tudo que eu fiz que magoou ele. Ele sabe que é o amor da minha vida. Pai, me perdoa porque eu te amo muito!”, disse o centroavante, que seguiu:

“Eu acabei esquecendo de mandar mensagem para ele dizendo que eu teria que viajar. Depois que eu cheguei aqui na Espanha minha mãe me mandou uma mensagem dizendo que meu pai estava muito triste comigo porque não mandei uma mensagem para ele”.

Passada a emoção, Deyverson aceitou um desafio ao vivo: fazer embaixadinhas com um rolo de papel higiênico. O jogador levou tão a sério a brincadeira que acabou caindo ao tentar um voleio. Até a noiva do atacante, Brunna Bernardy, entrou na brincadeira. Depois, para encerrar a entrevista, o casal cantou uma das músicas da cantora, ‘Foca na Gente’.

Fonte