LIBERTADORES

Campeonato Paulista | Em casa, mistão do Corinthians tropeça e perde por 1 a 0 para Inter de Limeira

Campeonato Paulista | Em casa, mistão do Corinthians tropeça e perde por 1 a 0 para Inter de Limeira
O Corinthians reprovou no último teste antes do decisivo jogo contra o Guaraní, pela Copa Libertadores. Na tarde de hoje (09), com uma formação sem seis titulares e desfalcado do suspenso Janderson, o clube comandado por Tiago Nunes perdeu por 1 a 0 para a Inter de Limeira, pela quinta rodada do Paulistão. O time…

O Corinthians reprovou no último teste antes do decisivo jogo contra o Guaraní, pela Copa Libertadores. Na tarde de hoje (09), com uma formação sem seis titulares e desfalcado do suspenso Janderson, o clube comandado por Tiago Nunes perdeu por 1 a 0 para a Inter de Limeira, pela quinta rodada do Paulistão. O time de Elano chegou à vitória com gol de Tcharlles, aos 42min da primeira etapa.

O resultado negativo deixa o Corinthians com sete pontos e na segunda colocação do Grupo D do Estadual. A Inter de Limeira, por outro lado, alcançou os nove pontos e virou momentaneamente a líder da chave C, superando Mirassol e São Paulo – o clube tricolor ainda entra em campo neste domingo para encarar o Santo André.

Depois do compromisso deste fim de semana, o Corinthians enfrenta a primeira grande decisão do ano. Na quarta-feira (12), a partir das 21h30 (de Brasília), a equipe de Tiago Nunes encara o Guaraní, do Paraguai, pelo jogo de volta da segunda fase qualificatória da Copa Libertadores, sob a pressão de ter que reverter o resultado.

Na ida, semana passada em Assunção, os paraguaios venceram por 1 a 0 e agora obrigam o Corinthians a vencer por uma diferença de dois gols para seguir para a próxima fase. Novo 1 a 0, mas favorável ao Corinthians, leva a decisão para os pênaltis. Empate ou derrota por um gol, desde que anote gols em Itaquera, favorecem o Guaraní.

Na próxima rodada do Campeonato Paulista, a equipe comandada pelo técnico Tiago Nunes jogará o clássico diante do São Paulo, fora de casa, e a vitória é importante para que o time tente alcançar a liderança do grupo. Já a Inter de Limeira atuará em casa, diante do Santo André, sendo que os três pontos são fundamentais para que os comandados de Elano possam manter as esperanças de garantir uma vaga na próxima fase da competição.

Quem foi bem: Lucas Braga

O jogador da Inter de Limeira foi a principal alternativa ofensiva da equipe de Elano em Itaquera. Saiu dos pés dele a jogada do primeiro gol dos visitantes. Antes, uma arrancada impressionante só parou nas mãos do goleiro Cássio, quando o Corinthians ainda dominava o jogo deste domingo.

Quem foi mal: Madson

Candidato a uma vaga no time titular para a decisão de quarta-feira, o jovem Madson sentiu o peso de atuar na Arena e pouco colaborou para um jogo ofensivo pobre do Corinthians. Erros de decisão prejudicaram o setor pela direita, mais usado no segundo tempo.

Cronologia do jogo

O Corinthians começou a partida em cima da Inter de Limeira e criou a primeira chance logo no primeiro minuto, com Gustavo parando em boa defesa do goleiro Rafael Pin. O volume de jogo dos donos da casa, contudo, durou pouco menos de 20min. Não demorou para a Internacional encontrar espaços e transformar a tarde/noite na Arena.

Bem postada, a equipe do interior assustou com Lucas Braga, que parou em ótima defesa de Cássio, e abriu o placar aos 42min. Cantillo perdeu a bola e armou contra-ataque para a Inter, com Lucas Braga arrancando pela direita e cruzando na medida para Tcharlles arrematar livre dentro da área e fazer 1 a 0 para os visitantes.

A vantagem reforçou o panorama esperado para o jogo, com o Corinthians dono da maior parte da posse de bola e a Inter atuando no erro adversário. Mesmo com domínio, o time da casa pouco acelerou o jogo na parte final do campo e não conseguiu superar a eficiente marcação da equipe do interior de São Paulo.

Corinthians começa bem

Os primeiros 10 minutos de Corinthians empolgaram o público na Arena. Com Cantillo comandando as ações no meio-campo e acompanhado por Gabriel, o time de Tiago Nunes abusou das inversões de jogadas e encontrou espaços, especialmente com Lucas Pitón pela lateral esquerda. O ritmo e entrosamento, contudo, duraram pouco. A Inter rapidamente encaixou a marcação e dificultou o trabalho do “mistão” corintiano.

Inter aproveita espaço da defesa do Corinthians

Com apenas Pedro Henrique como titular, a defesa do Corinthians sofreu com a falta de entrosamento. Muitos espaços foram dados, e a Inter aproveitou-se. Primeiro com Lucas Braga, que, em arrancada individual, passou sem ser incomodado e exigiu defesa de Cássio. No lance do gol, Pitón perdeu disputa, Pedro Henrique foi superado e Bruno Mendez não conseguiu fazer o corte. O setor segue como uma preocupação para Tiago Nunes.

Tiago Nunes pensa na Libertadores

O treinador corintiano visivelmente prioriza a decisão de quarta contra o Guaraní. Sem o suspenso Janderson, expulso no clássico diante do Santos, o clube de Parque São Jorge acabou poupando seis titulares para o duelo deste domingo. Na defesa, Fagner, Gil e Sidcley começaram no banco de reservas. No meio, Camacho e Luan foram opções, assim como o centroavante Mauro Boselli.

Festa pelo feminino

Os primeiros gritos de gol do domingo na Arena Corinthians saíram por lances ocorridos a 100 km do estádio em Itaquera. Os torcedores assistiram pelo telão do estádio a transmissão da Bandeirantes do duelo entre Palmeiras x Corinthians, disputado em Vinhedo e válido pela primeira rodada do Brasileirão Feminino A-1. O triunfo corintiano por 3 a 1 foi comemorado gol a gol pelo público que esperava o início do duelo pelo Paulistão.

Ficha Técnica

Corinthians 0 x 1 Inter de Limeira

Campeonato Paulista – 5° rodada

Local:
Arena Corinthians, em São Paulo (SP)

Árbitro: Raphael Claus

Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Evandro de Melo Lima

Cartões Amarelos: Lucas Balardin e Marquinhos (Inter de Limeira)

Público e Renda: Público pagante: 27.725 e renda: R$ 1.115.240,35

Gols: Tcharlles, aos 41 minutos do primeiro tempo

Corinthians: Cássio; Michel (Fagner), Bruno Méndez, Pedro Henrique e Lucas Piton; Gabriel (Luan), Cantillo e Mateus Vital; Madson, Gustavo e Everaldo (Vagner Love). Técnico: Tiago Nunes

Inter de Limeira: Rafael Pin; Córdoba, Roger Bernardo, Bruno Oliveira e Lucas Balardin; Geovane (Matheus Neris), Marquinhos, Murilo Rangel (Nata Alvarenga), Thomaz e Lucas Braga; Tcharlles (Bruno Formigoni). Técnico: Elano

Fonte